PESQUISAR

Manual de iniciação ao canto gregoriano

REF.:0010100000097

Em Stock
48H

5,00 IVA inc.

Quantidade

Ficha Técnica

Título: Manual de iniciação ao canto Gregoríano
Autor:  Pe. Manuel Augusto Frade
Ano de edição ou reimpressão: 2005
Editora: Escola Diocesana de Música Sacra de Coimbra
Idioma: Português
Dimensões: 161 x 231 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 144
Peso: 270g
ISBN: 9726033594

Sinopse

Este Manual de Iniciação ao Canto Gregoriano apareceu, em 1993, como um instrumento de trabalho para uso dos alunos da Escola Diocesana de Música Sacra. Nela se estuda o Canto Gregoriano, não pela saudade do passado, mas por causa do alto valor espiritual e artístico deste canto modelar. A igreja considera-o como “património de inestimável valor…” e o seu “canto litúrgico” por excelência.

Esta 3ª edição foi enriquecida com mais alguns mapas de neumas e exemplos musicais tomados, sobretudo, do “Gradual Simplex”, publicado na sequência da reforma litúrgica promovida pelo Concílio do Vaticano II. Na verdade, A Constituição “Sacrosanctum Concilium”, depois de ordenar a preparação de uma edição mais crítica dos livros de canto gregoriano já existentes, acrescentou «Convém igualmente que se prepare uma edição que contenha melodias mais simples para uso das igrejas menores»

Sobre o autor

Padre Manuel Augusto da Silva Frade nasce em Calvão, Vagos, a 28 de Agosto de 1934 e é ordenado na Sé de Coimbra a 15 de Agosto de 1959. Aveiro só vem a ser restaurada diocese em 1938, facto que se repercute na vida do P. Frade (como será mencionado neste “Rosto de Misericórdia”) pela sua ligação ao P. António Baptista, então pároco de Calvão. Com efeito, começa a contactar com ele ainda criança, levado pelo Pai Eugénio, a frequentar a “escola” que cria e a pertencer à obra de educação que organiza. Nesta obra se alicerça o Seminário de Nossa Senhora da Apresentação, hoje Colégio diocesano de Aveiro, em Calvão.

Faz os estudos eclesiásticos nos Seminários de Coimbra e é destacado para servir a Igreja em várias e enriquecedoras missões: Professor e prefeito, coadjutor e pároco, arcipreste, reitoria do Colégio Pontifício Português, em Roma, cidade onde faz licenciatura canónica em Música Sacra, director diocesano da Escola de Música Sacra, animador dos grupos litúrgicos e dos coros em muitas paróquias, responsável pelo Coro da Sé de Coimbra, entre outras mais discretas, mas não menos fecundas.

Back to Top